Ultimamente, não sei porquê, talvez pelo acolhimento aos refugiados do pássaro morto, não sei, tenho notado um crescimento na quantidade de sabões, pessoas que sabem tudo, que nos mostram, a cada palavra, que nós nada sabemos e nos julgam com base na sua magnífica sabedoria…

Pela minha parte, só tenho a dizer, em minha defesa, que sei cada vez menos. Reconheço, portanto, que eles são capazes de ter razão!

Sabões…

João Pinheiro @joaopinheiro